Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

A Classificação Colorada e as perspectivas

3 de fev de 2012

Olá, leitores, torcedores de diferentes times do país.

A Classificação do Internacional na Pré-Libertadores foi inegavelmente meritória. O Once Caldas comprovou ser um adversário competitivo, como seria qualquer outro colombiano. Na partida de volta, o Colorado poderia ter sentido o baque do gol logo no início, por causa da bobagem de Nei, mas se assentou rapidamente em campo, "virando" com alta qualidade de trabalho coletivo no lance do segundo tento, assinalado por Paulo Tinga. Enfrentou, ainda, uma arbitragem péssima no aspecto disciplinar, que distribuiu cartões para os brasileiros, sem advertir o dono da casa. Ao menos, o auxiliar principal acertou, ao anular por impedimento a jogada em que pela terceira vez o anfitrião colocaria a bola na rede.

Por falar na presença dele, substituindo o descontado Dagoberto, aliás, o esquema 4-5-1 teve um funcionamento irregular, o que era previsível pela falta da melhor condição física, a longa viagem e o desespero do oponente, que foi empilhando atacantes. Dorival Jr. também passou no teste, posicionando, de modo geral, corretamente a equipe. Se Mário Bolatti tivesse cumprido melhor jornada, o Once criaria ainda menos oportunidades.

Ao fim e ao cabo, as melhores chances na segunda etapa, aconteceram a favor do Inter, também pelas mudanças efetuadas na hora certa pelo treinador. Definitivamente, ao longo da Copa Libertadores, a concentração na hora de concluir precisa melhorar, e muito. Nem sempre, o Campeão de Tudo que interessa usufruirá a vantagem do empate.

O escore de igualdade, inclusive, foi antecipado neste blog, assim como a vitória do Mengão, que acabou não sendo tão folgada contra os bolivianos e não evitou a queda do técnico Vanderley Luxemburgo. Agora, o Internacional deve planejar a estratégia para a Copa Libertadores propriamente dita. Visará ao primeiro lugar em uma chave que põe o Santos no caminho? Vai se conformar com a hipótese de decidir fora do Beira-Rio em todas as fases mata-mata?

Das respostas a estas questões, depende, por exemplo, a escalação para o pouco importante Gre-Nal deste domingo, pelo Campeonato Gaúcho. Penso que o staff colorado tende a preferir a preservação de titulares, e estará correto. Em férias desde segunda-feira, também vou me poupar... dessas postagens. Novos textos somente ao final de fevereiro. Até lá!

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB