Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

A vitória colorada e o duelo Falcão X Felipão

7 de jun de 2011

Olá, leitores, torcedores de diferentes times do país.

A vitória colorada veio com um escore que chegou a caracterizar goleada, mas acabou ficando em uma diferença de dois gols. Preliminarmente, necessário dizer que o América-MG é candidato a time mais fraco do Brasileirão, infelizmente, para os torcedores do "Coelho". Com inabilidade para conclusões, sem imposição física e uma frouxidão impressionante na marcação, se não houver sérias modificações no andar da carruagem do clube de Belo Horizonte, não evitará a volta para a segunda divisão.

Porém, logicamente, o Internacional apresentou méritos. Oscar e D´Alssandro, juntos, proporcionaram uma dinâmica de maior velocidade e objetividade no meio-de-campo. A movimentação de Zé Roberto, com decisiva participação em dois tentos, atingiu alto nível. O conjunto orientado por Paulo Roberto Falcão, que parece ainda estar no controle do vestiário, pelo empenho geral dos comandados, só "administrou" o escore quando ele era elástico.

Entretanto, os gols "de honra" do adversário mineiro comprovaram que a defesa segue mal. Explorando o lado esquerdo, do improvisado Juan (por que o Bola-Bola não aposta nele como quarto zagueiro?), quase que o tempo inteiro em que conseguiu atacar, o América deixou no ar a questão: faltaram providências táticas para acabar com o risco por ali?

Aqui se imbrica outro dilema para Falcão, que viverá no próximo domingo um histórico duelo contra Luiz "Felipão" Scolari. Guiñazu, Paulo Tinga, Oscar e D´Alessandro talvez formem um meio-de-campo muito leve para confrontos contra rivais mais fortes. Mário Bolatti, que realmente decaiu na comparação com o início de sua trajetória no Inter, confere maior altura e segurança na bola aérea, defensiva ou ofensiva. Se Kléber não retornar de lesão, será que não era de testar o "Cholo" na lateral esquerda, deixando o argentino e Tinga de volantes? Enfim, a estratégia para o jogo de 6 pontos contra o Palmeiras precisa de uma análise profunda, que transcende o insucesso contra o Ceará (que não deveria motivar tanta "detonação") e o bom resultado contra o "Coelho", que, felizmente, não empolgou a comissão técnica.

Ah! E meu desempenho nos prognósticos melhorou.....Ainda que não tenha acertado com exatidão nenhum placar, prever 5 em 9 resultados constitui uma performance bem razoável. Para Atlético-MG X São Paulo, meu palpite é um empate: 2X2.

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB