Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Taça Libertadores 2010: algumas projeções

8 de fev de 2010

Olá, leitores, torcedores de diferentes times do país.

Começou a Taça Libertadores da América 2010! E o atual campeão, o Estudiantes da Argentina, já aplicou a primeira goleada da competição. Creio que algumas projeções dos grupos podem ser feitas, e de um ponto de vista colorado, lembrando 2006, a tarefa pela frente está longe de fácil. Vejamos:

Grupo 1: O Corinthians foi, para gáudio de sua imensa torcida, beneficiado pelo empate entre o Cerro Portenho do Paraguai e o Independiente da Colômbia, cujos times, aliás, mostraram um bom futebol. Nesta chave, é bem possível que o Coringão se classifique isoladamente (com os mexicanos que saíram no ano passado por causa do surto da Gripe A entrando diretamente nas oitavas de final, e esperando o terceiro e o quarto colocados na classificação, os dois piores segundos colocados não seguirão adiante......), com uma pontuação alta. Apostaria, com otimismo moderado do ponto de vista do Timão, em 14 pontos, quatro vitórias e dois empates. A maestria de Mano Menezes ainda constituirá a mais importante arma da instituição centenária.

Grupo 2: A surpreendente e merecida vitória do Once Caldas fora de casa mudou um pouco minha perspectiva em relação à chave do São Paulo. Acredito que haverá certo equilíbrio, ficando fora o Nacional do Paraguai e o mexicano Monterrey. O tricolor do Morumbi e a equipe colombiana tendem a dividir a primeira colocação com algo em torno de 10 pontos. Ao conjunto comandado por Ricardo Gomes, em princípio, caberá o melhor saldo de gols.

Grupo 3: Que barbada para o Estudiantes, pelo que se viu ontem! Os peruanos do Juan Aurich até fizeram alguma frente no primeiro tempo, mas, nervosos, perderam seu principal atacante, e aí o clube de La Plata mostrou toda a força que possui. Apostaria numa classificação isolada do atual campeão do continente, com 16 pontos, e o primeiríssimo lugar entre os que arrebatarão as vagas! Não cabe o mínimo de fé nos outros dois integrantes da chave, por mais que o futebol de hoje apresente surpresas.

Grupo 4: Aqui, o fato do Libertad, um clube que há horas se mantém entre os melhores paraguaios, faturar 3 pontos fora de casa de início, por certo, terá grande peso. Não ficará distante do Estudiantes. Quem sabe, 15 pontos. Em segundo, em tese, o Lanús, mas é de se duvidar que o argentino arrebate mais de 10 pontos.

Grupo 5: Como vimos, o Internacional terá que atingir pelo menos 16 pontos para ficar entre os dois primeiros na classificação geral. Ora, os meus leitores sabem que procuro ser um colorado deveras realista nas análises. Por este motivo, não contarei com cinco vitórias e um empate. Optarei, antes, pelo desempenho da primeira etapa da campanha vitoriosa de 2006. Apostaria em 14 pontos, o que corresponde a quatro vitórias e dois empates. Naquela temporada, foi suficiente para o segundo lugar. Agora, se obtiver melhor saldo de gols do que o Corinthians, neste cenário, o Inter pega terceira colocação entre os 16 que ficarão vivos nas oitavas de final. Talvez, a melhor indicação para segundo lugar na chave seja o Emelec, com não mais do que 10 pontos, porque, afinal, acabou eliminando um argentino na Pré-Libertadores.

Grupo 6: Até aqui, tudo normal. No único jogo, o Nacional faturou, não sem dificuldades, o Deportivo Cuenca. Os charruas pegam o primeiro lugar, mas não terão facilidades. A tradicional agremiação uruguaia e o argentino Banfield tendem a dividir a primeira colocação com 10 pontos.

Grupo 7: Disparadamente, a pior chave de todas. Três campeões da América: o argentino que recentemente atingiu o status de "grande", Vélez Sarsfield, o Colo-Colo, mais vitorioso clube do Chile, e.....o nosso Cruzeiro, que largou mal, verdade que com alguns prejuízos causados pela arbitragem. Pois não sou pessimista em relação ao time do coração de nossa querida Lilian Alcântara. Aposto numa primeira colocação da Raposa com 13 pontos. O Vélez ficará em nono na classificação geral, com 11.

Grupo 8: Acho que o Flamengo não terá dificuldades maiores para alcançar 14 pontos, inclusive, quebrando a invencibilidade do Caracas na Venezuela. Entre os chilenos, o Universidad do Chile parece estar numa fase um pouco melhor do que "La Católica". 14 para o clube carioca; 11 para a instituição laica (!).

E assim, meus caros, confiando que os conhecimentos de Jorge Fossati farão diferença a favor do meu Colorado, poderemos ter estes oito primeiros:

1. Estudiantes, 16 pontos.
2. Libertad, 15 pontos.
3. Internacional, 14 pontos.
4. Flamengo, 14 pontos
5. Corinthians, 14 pontos (Aceitando-se que o grupo do Coringão seja um pouco mais difícil do que os dos dois brasileiros acima dele, o saldo de gols do clube paulista ficará inferior.....).
6. Cruzeiro, 13 pontos.
7. São Paulo, 10 pontos.
8. Nacional (Uruguai), 10 pontos.

Embora consista em verdadeira temeridade projetar os confrontos a partir dese momento, confiaria em todos os brasileiros, no Estudiantes e no Libertad. Acho que o Vélez tende a superar o Nacional em eventual duelo mata-mata. Então, as quartas de final apresentarão verdadeiros "testes para cardíacos":

Estudiantes x Vélez Sarsfield (Clássico argentino!!!!!)

Libertad X São Paulo

Internacional X Cruzeiro (Para nós, colorados, pensarmos inevitavelmente em vingarmos as eliminações da década de 70......)

Flamengo X Corinthians (Para nós, gaúchos, será um "porre" acompanhar a badalação que a mídia do eixo Rio-São Paulo produzirá, mas......convenhamos que ela se desenha inevitável, na hipótese do embate entre os mais populares clubes do país se confirmar!)

Reparem que poderemos ter três brasileiros nas semifinais, viabilizando uma decisão "nacional"! Gostaram das projeções? Estão com os corações preparados? Ou as apostas são diferentes? Lanço, com galhardia, o desafio aos companheiros de blog! Estou entrando em merecidíssimas férias de minhas atividades profissionais, mas volto a escrever na semana posterior à da Folia de Momo. Deixo aos leitores as melhores saudações coloradas!

1 comentários:

Lílian Alcântara disse...

Boto fé em praticamente tudo que falou, não vou ficar te contradizendo por aqui, não por conta do time do Cruzeiro ser ruim ou bom, mas também não estou esperançosa, principalmente por conta da chave difícil. Se você acertar e nossos times se enfrentarem eu gostaria de repetir um certo 5x4 e passar de fase.

12 de fevereiro de 2010 22:06

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB