Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Preliminar entre Furacão x Vilhena

24 de fev de 2010

Torcedores por torcedores, de uma maneira geral, sabemos que nosso time (e outros times de eixo) contra times de menor expressão jogam diferente. Alguns acham que podem definir a partida a qualquer momento, outros deixam de lado a dedicação e o melhor futebol. Torcedores por torcedores, achamos isso errado! E mesmo com o discurso de dedicação, foco, esforço dobrado devido a importância da competição - que pode levar o melhor a competir a tão sonhada e cobiçada Libertadores da América - os jogadores não atentam para dificuldades implícitas .
A primeira partida em Rondônia me remeteu a diversos pensamentos que justificaram o resultado de 2x2 - que nos dá a vantagem de empatar por 0x0 e 1x1 para obter classificação em Curitiba: A distância, o calor, a qualidade do gramado... E mesmo com a recepção da torcida atleticana (que não é pequena) na cidade o time não apresentou bom futebol.
Sou adepto da idéia de que um time, quando tecnicamente (entre outros fatores) superior a outro, consolide um resultado para administrar com tranquilidade. Abro aqui um exemplo interessante: Três a zero, no primeiro tempo é consolidação de resultado?! Quantas vezes vimos belos resultados como esse (e parecidos) sumirem no segundo tempo e a vantagem do resultado - que nessa competição é tão importante - se esvair?
Sob esses pensamentos projeto o jogo de hoje a noite na Arena da Baixada. Uma torcida louca, gritando, apoiando os 90 minutos. O que tento projetar é o time jogando de acordo com todo esse incentivo todo. Estaremos em casa, num gramado que conhecemos, diante de sua apaixonada torcida, a lógica é que não decepcione - erro é atribuir lógica a futebol.
Não devemos ter um time muito diferente, a nível de elenco, que empatou no fim de semana contra o Nacional. Devem ser promovidas apenas mudanças no ataque (novidade!) pois o Delegado contará com o retorno de Bruno Mineiro que até então tem correspondido as expectativas e está fazendo jus a todo esforço que a diretoria atleticana fez para contratá-lo. Pode acontecer, mas não tenho certeza da saída de Wallyson para a segunda participação de "Pepe" Toledo, dessa vez iniciando uma partida como titular - tudo vai depender dos treinamentos. Posso estar enganado - não tenho encontrado pilhas para minha bola de cristal - mas vejo esse ataque como muito promissor, principalmente depois das notícias do Departamento Médico sobre o retorno de Paulo Baier.
A nivel de comportamento, vejo um time que vai jogar pra frente, marcar forte sem deixar os visitantes com liberdade. E é assim que tem que ser.
Torcedores por torcedores, de uma maneira geral temos o dever de cobrar, se revoltar, pendurar placas, xingar, gritar. E com o time em campo, independente dos problemas, incentivar! E é isso que faremos. Pois assim como para muitos clubes a Copa do Brasil é objetivo, para o nosso Furacão também é!
Todos na Arena da Baixada logo mais.
Finalizo por aqui, agradecendo o convite e suporte da Lilian, também dando as boas vindas a Elaine, velha colega colunista.
Espero aqui estar contribuindo para que o blog alcance seu propósito.
Sempre Furacão.
Mick

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB