Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Once Caldas 2 x 1 São Paulo FC

26 de fev de 2010

Pela Libertadores da América o São Paulo foi à altitude de Manizales enfrentar o Once Caldas e trouxe para casa uma amarga derrota, vergonha e muita lição de casa.

O jogo foram dois momentos distintos, o primeiro tempo um time com vontade ser campeão e o segundo tempo um time perdido.
 
No primeiro tempo o São Paulo FC jogou como se deve jogar uma Libertadores: Jogadas simples, sem jogadas de efeito desnecessárias, marcação forte e sem deixar espaços ao adversário, e com esta postura durante os primeiros trinta minutos não teve chance ao Once Caldas e aos 32 minutos em uma falta cobrada pelo Rogério Ceni o São Paulo abriu o marcador com o goleiro artilheiro, chutou no canto esquerdo que o goleiro cobria mas a bola desviou na barreira e entrou no canto direito tirando o goleiro da jogada. Com o time em vantagem no marcador e com uma marcação impecável, era tudo que os torcedores São Paulinos queriam pois se continuasse assim a vitória seria certa.

Se continuasse assim, porque o time depois que tomou o gol não soube reagir as mudanças feitas pelo adversário. O técnico Juan Carlos Osorio adiantou as duas linhas de marcação do Once Caldas e colocou a marcação do São Paulo em xeque, passando a reverter o domínio da partida, chegando no final do primeiro tempo a exigir uma defesa milagrosa do Rogério Ceni.

Esperava-se que o time voltasse melhor para o segundo tempo, mas isso ficou só na vontade por que o Once Caldas tirou um meio campo e colocou um atacante, mudando para o esquema 4-3-3 e passando mais tempo no ataque. Com o time jogando mal, o meio campista Marcelinho Paraíba perdeu a bola (porque queria fazer graça) e cedeu o contra ataque ao Once Caldas. Jogada pela lateral e cabeceio sem chance ao Rogério Ceni, e a partida estava empatada.
 
E o jogo continuou favorável aos Colombianos, e novamente em um erro do São Paulo FC, agora com o Jorge Wagner (que também queria fazer graça) cedeu o contra ataque ao adversário que driblou três jogadores São Paulinos e chutou forte na saída do goleiro, um bonito gol e colocando o Once Caldas em vantagem.
 
Once Caldas 2 x 1 São Paulo FC, e o jogo terminou desta forma.

Nos 15 minutos entre o gol São Paulino e o término do primeiro tempo voltou a memória os momentos do Campeonato Brasileiro que o São Paulo FC era líder e nos jogos contra Botafogo e Goiás não soube administrar a partida. No ano passado e neste jogo faltou seriedade ao time pois parece que o bom elenco que o São Paulo tem dá a sensação aos jogadores que eles podem menosprezar o adversário ou diminuir o ritmo porque ainda assim serão superiores, uma grande mentira, a perda do hepta e a derrota neste jogo confirmam isso.
 
Outro ponto importante; no jogo contra o Palmeiras o elenco não foi poupado, outro erro pois faltaram jogadores nesta partida. Jogar contra o Once Caldas na altitude de Manizales necessita que o treinador saiba usar as três substituições corretamente no setor de marcação para não perder força e o São Paulo não pode fazer isto por falta de opções.

O São Paulo perde a liderança do grupo e terá que buscar os outros pontos da Libertadores com seriedade e priorizando a competição. Próximo jogo em Assunção no dia 11 de Março as 20.00 horas contra o time do Nacional (PAR) que ontem perdeu para o Monterrey (MEX).


Foto: EFE / Mauricio Duenas

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB