Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

A temporada ainda pode ser salva?

5 de out de 2009

Olá, leitores, torcedores de diferentes times do país.

Pois a rodada do Brasileirão não poderia ser pior para o Internacional. O Palmeiras, talvez exibindo como nunca um futebol de campeão, virou o clássico para cima do Santos, e o Colorado, que até fez um primeiro tempo razoável, sucumbiu no segundo tempo diante do Coritiba. Pode-se discutir algumas opções táticas do treinador Adenor Tite, como a colocação do volante Sandro num papel de alta movimentação, parecida com a de Guiliano, mas é evidente que o técnico sai pelo conjunto da obra recente.

Ainda sobre o Verdão: emblemática a cena ocorrida quando o jogo já estava 3X1, e um atacante do Peixe sofreu falta fora da área, com o juiz assinalando pênalti. Todos os atletas palmeirenses próximos o cercaram, exigindo que consultasse o auxiliar. Este - corretamente - viu que a infração não era penalidade máxima. O árbitro voltou atrás. Algo típico de uma equipe vocacionada para ser campeã. Parece que haverá desfalques contra o Avaí. Não creio que o conjunto orientado por Muricy Ramalho sofra demasiadamente com as perdas.

Sou cético igualmente em relação ao que Mário Sérgio Paiva tem condições de realizar como técnico do Inter. Diria que a escolha merece o rótulo de lamentável, dada a inexpressividade da trajetória do ex-grande jogador como estrategista, que até começou bem na nova função no Corínthians, lá em 1993. A verdade é que a direção colorada parece ter depositado toda a esperança de sucesso de planejamento no primeiro semestre, com eventual conquista da Copa do Brasil. Esqueceu de combinar com o Coringão e o comandante da Seleção Brasileira, que tirou Nilmar e Kléber da primeira partida das finais do torneio.

Depois, as saídas do ótimo atacante e de Magrão foram tornando as coisas mais difíceis. A temporada se justificará com a conquista de vaga para a Taça Libertadores da América 2010? Em termos. Não me empolga a provável vinda do técnico Vanderley Luxemburgo em janeiro, ainda que o Internacional esteja na competição. A relação custo-benefício deste profissional, a julgar pelo seu desempenho nos últimos anos, não será satisfatória. Ironicamente, "Luxa" era o nome defendido pelo candidato da oposição na eleição presidencial do Clube no ano passado. O sr. Cláudio Bier perdeu a disputa entre os sócios, levando 9 por 1 do atual presidente Vitório Píffero.

Para terminar, uma lembrança envolvendo uma das maiores cantoras que a América Latina já conheceu, a qual nos deixou neste domingo. Assisti a um show de Mercedes Soza no ginásio de meu clube do coração, o Gigantinho. Era 1980. Ela estava exilada na Espanha, morando em Madrid, pois a Argentina estava sob uma das ditaduras mais sanguinárias da História Contemporânea. O Internacional foi digno ao alugar o local para o espetáculo, pois o Brasil não se encontrava muito melhor do que o país vizinho, do ponto de vista político. Explodiu de repente uma bomba de efeito moral perto do palco. "La Negra", com sua experiência, acalmou o público e determinou que as luzes fossem acesas. Nunca esqueci sua frase: "En la obscuridad están los lobos". Uma grande artista que vi, com participação do Colorado. Devo revelar algo que vocês, leitores, ainda não sabem. Sou ateu, filosoficamente um materialista convicto. Porém, acredito que as almas incorporam legados intangíveis, como os artísticos, e isso tem reflexos ao longo dos tempos. O de Mercedes é um destes.

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB