Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Páginas heróicas imortais

14 de set de 2009

O Cruzeiro não anda lá muito bem, acostumado a disputar o título, golear times pequenos e encher o orgulho do torcedor... mas está na parte inferior da tabela, com derrotas inexplicáveis, algo divide o time por trás do gramado, e este algo pode ser o técnico AB.
Apesar de uma suposta crise interna do clube (nada financeiro, os Perrelas tão com a cueca cheia este ano), o que não nos dava esperanças para vencer o grande clássico este domingo, o Cruzeiro mostrou-se grande, presente, brilhou todas as cinco estrelas e apesar de erros saiu vitorioso. Um troféu à parte ter vencido o Inter, meu candidato à campeão este ano. Agora queremos vencer o outro candidato no Mineirão na quarta-feira, 23, para não passar o ano em branco.
O jogo, o AB, os jogadores.
Jogamos muito bem, com destaque para Gilberto que apesar de ter falhado num gol feito marcou 2 e mostrou merecer a vaga de titular na equipe. Thiago Ribeiro também se destacou, marcando um gol e aparecendo em muitos lances do jogo, mas perdeu algumas bolas por falta de atenção e também perdeu um gol sozinho com o goleiro Lauro.
O AB errou ao escalar Elicarlos, mas graças a Deus o "macaquito" (e já virou apelido carinhoso) contundiu-se e forçou que nosso técnico consertasse o que fez. A entrada de Guerrón ao lado de Thiago R. seria ótima, e com a má atuação do Soares (má escalação também, ele é ponta) podiamos até ter perdido algum gol importante e a força do ataque perdendo os 3 pontos.
A verdade é que o Cruzeiro perdeu muitos pontos enquanto batalhava pela Libertadores, abatido perdeu outros pontos, depois de uma série de jogos com 10 (e até 9) jogadores também perdeu mais pontos e dá-lhe macumba atleticana. Agora tem que ganhar dos times que estão na ponta, e fora de casa. Afinal é irremediável a dor que sangraria/sangrará se ficarmos atrás dos riscadinhos rivais (atlético - mg) ao fim do campeontado. Alguém se lembra a última vez que isso aconteceu?
Estou desacostumada a criticar o Fábio, mas ontem errou feio no segundo gol do Inter, com uma péssima barreira e como sempre tomou gols de bola parada. Por pouco não pôs o brilhantismo celeste todo à perder.
Como disse o Marcelo, o Cruzeiro tem que se superar contra o Palmeiras de novo. Dentro do Mineirão, à esta altura, um time deste tamanho, na décima terceira posição não pode se amendrontar pra líder nenhum. Líder que aliás vai muito mal no returno.
Apesar de ter comemorado aqui a vitória, não é de se comemorar. É de se lamentar que elas sejam tão importantes e de tanta comemoração assim. Se o Cruzeiro tivesse disputando título teria sido um confroto direto e não "um jogo contra o vice-lider".
Ainda há uma vaga na G4. Disputada por Corinthians, Goiás, Grêmio, Flamengo e Atlético - MG. Que tal entrar na briga de vez e aí sim ter uma página heróica e imortal em 2009?

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB