Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

O Fluminense na Copa do Brasil

20 de abr de 2010


Amigos, nesta quinta-feira o Fluminense voltará a campo pela Copa do Brasil, para a partida de volta contra a Portuguesa de Desportos. O confronto vale pelas oitavas-de-final, e o vencedor enfrentará Grêmio ou Avaí.

O primeiro jogo foi realizado no Canindé, campo da Lusa. Foi uma partida truncada, verdadeira guerra de nervos. Mas o Tricolor, copeiro como sempre, conseguiu arrancar a vitória, com gol solitário de Fred. Para o jogo do Maracanã, o Fluminense vai com a vantagem do empate.

A despeito do bom resultado obtido, e do excelente retrospecto nesta passagem, a diretoria tricolor teve a coragem de demitir o treinador Cuca. Inconformado, afirmo: é uma decisão absolutamente injustificável. Não havia motivo moral, matemático ou metafísico para tamanha covardia com o técnico. Mais um erro colossal da administração de Horcades, que não se coloca à altura da história do clube, uma vez reconhecido como o mais organizado da Terra.

Espero que a transição para o novo técnico Muricy Ramalho se dê suavemente, sem maiores transtornos. Afinal, o Tricolor está a sete jogos de conquistar o bi da Copa do Brasil, e além disso está prestes a encarar um Campeonato Brasileiro, competição que não conquista há longos vinte e seis anos.

No jogo com a Lusa, comandará a equipe Mário Marques, ex-jogador do clube (nos anos 80), e atual técnico da equipe júnior, recém-campeã da Taça Guanabara. Que ele tenha sabedoria, para não colocar em risco a classificação tão bem encaminhada pelo antecessor.

O Fluminense precisa seguir na Copa do Brasil, precisa ser campeão. E, se o Tricolor de fato levantar o bi, saibam que Cuca também será um dos campeões. A torcida pó-de-arroz sabe reconhecer quem trabalhou bem pelo Fluminense. Pela maravilhosa arrancada do ano passado, Cuca merece nossos aplausos e nossos agradecimentos. Até breve, guerreiro!

PC

3 comentários:

Amanda Lacerda disse...

PC Filho, realmente concordo com tudo que vc acabou de mencionar.
Sim, devido a falta de organização da diretoria e por um desejo louco, que eu ainda não sei da onde que surgiu essa vontade de trazer um técnico de "grife" substituindo o Cuca, sendo que ele conquistou uma campanha épica dentro do clube. Foram 28 vitórias e apenas 6 derrotas.
Eles acham que vão conseguir segurar por muito tempo o Muricy (é um excelente técnico, mas pra um time igual o SP.) To pra lhe dizer que é capaz dele sair do Flu e deixarmos na beira do abismo, e permanecermos na séria A novamente, de novo só na base do MILAGRE.
Foi isso e assim que o Cuca encarou o Clube, sabendo do problema que ele estaria encarando caso aceitasse ajudar o Fluminense, soube administrar muito bem. Conseguindo transformar pequenos jogadores, em grandes heróis, e aqueles que não queriam honrar o Clube, mandou embora.
Sim se estamos onde estamos, graças ao Cuca!
Mas eu quero ORGANIZAÇÃO, QUERO ESTRUTURA, QUERO UM CT, QUERO TÍTULOS. A NOSSA TORCIDA MERECE ISSO.
DEVOLVAM O MEU FLUMINENSE.
ST.

20 de abril de 2010 23:57
Anônimo disse...

Perfeito, PC. E ninguém merece mais ser lembrado em caso de título do que o Cuca, por tudo que fez (principalmente ano passado), e pela injustiça cometida com ele.
Sds,
Leandro

21 de abril de 2010 00:00
Fernanda Greco disse...

Qual torcedor de time grande não quer ganhar clássico?! Pq humildade à parte, com o elenco do Flu, ganhar de pequeno é obrigação. Nesse ano o aproveitamento do time tricolor contra seus maiores rivais é rídiculo. Aliado a isso não podemos esquecer que, infelizmente, o futebol de hj não permite que um técnico dure muito tempo dentro de um time caso ele não ganhe títulos. Não é só o Flu que faz isso, todos os outros tb. Claro q a rotatividade nas Laranjeiras é muito maior do que gostaríamos. Tb acho que isso não é justificativa. Mas acontece. Pra mim, a pior coisa desse episódio foi a maneira como foi feita. Digna de uma diretoria medíocre, mas sobre isso nem falo mais. É como dar murro em ponta de faca.
Ainda sobre Cuca, será um técnico que ficará mercado pra SEMPRE na história tricolor. Foi uma união peculiar, entre comissão técnica, torcida e jogadores. Que culminou num adeus digno de guerreiro que foi fora de campo. Aplausos de pé! E eu tb, bato palmas para Cuca! E agradeço! Mas acho o Muricy um técnico de fibra! Que cobra! E cá pra nós, dá as melhores entrevistas pós-jogo! Que venha o mau-humorado! E junto com ele novos reforços e um início de estrutura para um clube de tradição como o Flu!
Pensamento Positivo! SEMPRE!
PS: Esses dias estava pensando, pq será q Celso Barros não nasceu flamenguista?!

21 de abril de 2010 00:08

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB