Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Classificação com sustos

4 de abr de 2010


O Placar foi 4x3 diante da turma do Duque de Caxias comandado pelo ex diretoria do Vasco, para quem não assistiu o jogo a dedução é que o jogo foi lá e cá, puro engano.

O Vasco dominou o jogo, mais deu se o luxo de tomar gols de bolas paradas e em uma saída errada da defesa, se não fosse isso a vitória seria tranquila, se houve drama, pode se deduzir que veio das partidas até hoje não explicadas diante do Olaria e Americano.


O JOGO.

A partida começou morna, até que em uma cobrança de falta de Júnior para a equipe da baixada, Fernando Prass deu um exemplo negativo para quem está iniciando a carreira de goleiro, rebateu para frente da Area, rebote de Maurinho (Aquele) e 1x0 para o Duque de Caxias aos 14 mins, um minuto depois, Fágner em um lindo gol empatou para o Vasco, a partir daí o Vasco foi melhor e passou a dominar o jogo, tanto é que aos 21 mins, Leo Gago deu uma bela assistência para Élton (o melhor em campo) virar o corpo e bater de esquerda, virando o jogo, 2x1 Vasco.

Logo depois, o árbitro errou, em uma cobrança de escanteio, Nilton levou um tapa no rosto de Tinoco, pênalti claro não marcado, o pior, o Árbitro expulsou os dois jogadores, antes do fim da primeira etapa, Leo Gago em chute de longe e Philippe Coutinho disperdiçaram boas chances.

Veio o segundo tempo, e em uma boa triangulação envolvendo Márcio Careca, Élton e Dodô, o último fez o terceiro gol do Vasco, até então dando uma certa tranquilidade, aos 5 mins.

Logo depois, Júnior em uma boa cobrança de falta diminuiu, nem se o Vasco tivesse dois goleiros daria pra pegar a bola, ela foi no ângulo esquerdo de Fernando Prass, só que logo depois o pior, Gian tentou inventar na saída de bola e Marcelo (Aquele) recebeu cara a cara, passou por Fernando Prass e empatou, inacreditável, mais estava acontecendo.

O Vasco partiu pra cima, Dodô perdeu oportunidade incrível, Élton em outro lance driblou o goleiro, mais o zagueiro salvou em cima da linha, alguns minutos depois, Dodô cortou um defensor e na conclusão a bola bateu na cabeça do goleiro Getúlio Vargas do Caxias, de tanto insistir, aos 32 mins, em um belíssimo passe de calcanhar de Élton, Dodô desempatou e tirou o Vasco do sufoco, vitória por 4x3 com um certo susto, amanhã a imprensa convencional citará o drama, porém vale ressaltar que o Vasco não jogou mal, assisti a partida e tive essa impressão.

Nas Semi Finais, enfrentaremos aquele clube que fica situado ali entra a Lagoa Rodrigo de Freitas, o Leblon e a Gávea, o jogo será no Domingo as 16 hs, no estádio Mário Filho, o Maracanã.


FICHA TÉCNICA
Duque de Caxias 3 x 4 Vasco
GolsDuque de Caxias: Maurinho, aos 14min do primeiro tempo; Júnior, aos 11min, e Marcelo, aos 18min do segundo tempo Vasco: Fagner, aos 15min, e Élton, aos 21min do primeiro tempo; Dodô, aos 5min e aos 32min do segundo tempo


DUQUE DE CAXIAS 3 x 4 VASCO
Duque de CaxiasGetúlio Vargas; Dudu, Marlon, Tinoco e Fábio; Mayara (Abel), Leandro Teixeira, Júnior e Maurinho (Juninho); Fabule (Alê) e Marcelo.Técnico: Álvaro Miranda
VascoFernando Prass; Fágner, Gian, Thiago Martinelli e Márcio Careca; Nilton, Leo Gago (Jumar), Souza e Philippe Coutinho (Magno); Dodô e Elton (Dedé)Técnico: Gaúcho (interino)
Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)Data: 04/04/2010 (domingo)Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca (RJ)Auxiliares: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ)Cartões amarelos: Faioli, Tinoco, Fábio, Fagner, Mayara, Junior e Maurinho (DUQ); Gian (VAS)Cartões vermelhos: Tinoco (DUQ); Nilton (VAS)

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB