Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

jogando mais ou menos, vencemos.

20 de mar de 2010



Hoje, no Mineirão, um jogo inédito. Cruzeiro e América de Teófilo Otoni fazem o primeiro jogo oficial entre eles.

O pré jogo trouxe aos corações celestes a expectativa de goleada. O técnico Adilson Batista relacionou os melhores nomes do elenco para essa partida.

O fato é que ganhando esse jogo e aliado a alguns outros resultados, o time celeste podia garantir-se na primeira colocação da primeira fase do campeonato, então vamos ao jogo:

Entraram em campo no 1° tempo: Fábio, Jonathan, Thiago Heleno, Leo Silva, Diego Renan, Fabinho, Henrique, Marquinhos Paraná, Gilberto, Kléber e Wellington Paulista.

Destaque pro Henrique e pro Gilberto que receberam uma placa pelo 100° jogo com a camisa do Maior de Minas.

Nos 15 minutos iniciais, o Cruzeiro fazendo pressão total e teve chances de marcar, mas sem eficiência. Faltando velocidade ao time e os laterais não chegando pra atacar ficou difícil de abrir o placar. Depois de um tempo o América de tcho-tcho equilibrou o jogo e o Cruzeiro ficou assistindo, até que aos 27 minutos o time visitante abriu o marcador.

O time celeste ficou apático, perdeu um gol feito com Gilberto aos 38. E assim acabou o primeiro tempo: 0x1.

O segundo tempo começou com o time das cinco estrelas tendo duas grandes chances de empatar. Saiu Diego Renan e Gilberto para a entrada de Guerrón e Roger. E em pouco tempo, o nosso camisa 23 fez seu gol e empatou pro time de BH.

O jogo continuou bom pro Cruzeiro, até que Roger saiu machucado e entrou Pedro Ken. Logo depois, nosso Gladiador fez seu gol e virou pro time de azul, aos 36 minutos. E continuou assim até o final: 2x1.

Por fim, até que foi um bom jogo. Sabemos da capacidade do nosso time e os jogadores foram guerreiros para virar a partida e mudar a história do jogo. Ainda sim há muito que melhorar.

Cartões amarelos: Kléber, Fabinho, Diego Renan, Leo Silva, M. Paraná, Henrique, Pedro Ken e Thiago Heleno (Cruzeiro). Jadson, Denis, Pablo e Julio Cesar (América- TO)

Agora é pensar na Libertadores. É vencer ou vencer!!!

Saudações Celestes.

1 comentários:

Lílian Alcântara disse...

este time não pode ficar oscilando o comportamento assim não, caralho não entendo o que tá acontecendo.

20 de março de 2010 23:02

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB