Grêmio

Grêmio
Mais uma vitória em busca do tri!

Internacional

Internacional
A semana, a ideia de Roth, o Inter B.

Grêmio

Grêmio
Maylson garante mais uma vitória

Internacional

Internacional
O Inter estará pronto dia 16?

Milésima Postagem: agradecimento e despedida

16 de dez de 2012

Olá, leitores, torcedores de diferentes times do país. Esta será minha última postagem no blog, que é exatamente a milésima. Meu agradecimento à querida Lilian Alcântara, que me convidou para esta experiência. Aqui, a projeção para os momentos derradeiros do Campeonato Nacional foi apenas parcialmente correta. O Fluminense acabou campeão e o Atlético Mineiro vice, mas o São Paulo ficou mesmo em quarto, e o Grêmio não perdeu sua vaga na Pré-Libertadores da América como terceiro. O Internacional não conseguiu reagir. Fruto da campanha medíocre no Brasileirão, não atenuada nem pelo empate sem gols sustentado com nove contra onze em quase todo o segundo tempo do clássico que encerrou o Brasileirão, a situação sofreu uma derrota marcante, nas eleições para metade das vagas do conselho do Clube, neste sábado. Houve o pioneirismo, entre as agremiações de futebol do país, de promover o pleito pela Internet, mas aproximadamente um sexto, apenas, dos associados aptos (inclusive do exterior) registrou a preferência, virtualmente ou no Gigantinho. O coletivo do qual fazia parte até este domingo, o DNA Colorado, ajudou o revés a não ser pior. Foram 20% de apoio, para mais de um terço de votos destinados à chapa que reunia dissidentes do grupo dirigente e 25% para o movimento Convergência Colorada, o qual mostrou força com uma composição "pura". Por não ter convicção de que meus companheiros tomaram o rumo certo, por questões profissionais e com a certeza de que o futebol precisa ocupar muito menos tempo na minha vida, decidi largar completamente qualquer militância na vida política do Inter. - X - Parabéns aos corintianos pela merecida conquista do segundo título mundial avalizado pela FIFA. Apesar da escolha de Cássio como melhor em campo contra o Chelsea, o time paulista enfrentou de igual para igual o representante da Europa, criando chances também, principalmente, nos 45 minutos finais. Adenor Tite deu um banho tático em Rafa Benitez: marcação adiantada, garantindo a tradicional solidariedade defensiva dos atacantes, variações, mudando os posicionamentos de Jorge Henrique e Danilo, bem como fazendo uma aposta correta no centroavante peruano Guerrero, autor dos dois gols da equipe no torneio. Talvez, o Chelsea seja o conjunto menos forte do velho continente a se apresentar no Japão ou em Abu Dhabi, nos últimos anos, mas isso não tira o mérito do Corinthians. O treinador Bachi, aliás, é agora campeão de tudo. Faturou da Copa do Brasil à mais importante das competições, passando pela Sul-Americana. A demissão dele em 2009 constitui, de certa maneira, um exemplo de que o Internacional ainda tinha muito que melhorar em termos de padrões diretivos, mesmo depois das glórias além-fronteira. - X - E por falar em técnico, não tenho nenhum entusiasmo pela escolha de Dunga para o vestiário colorado. Não o vejo como uma liderança adequada, e na situação concreta existe o agravante de que não estava exercendo o ofício. Os próximos meses tendem a ser difíceis para o Internacional, até pela agora sim completa impossibilidade de jogar no Beira-Rio. E a diretoria deveria escolher com outros parâmetros o estrategista, realizando mudanças no elenco e sabendo exatamente que tipo de time precisa montar. O retorno de Paulo Paixão, sim, constitui certeza de qualidade na preparação física e até na psicológica. A volta do meia-atacante Guiliano, atualmente no leste europeu, é sonho distante, pelo que pedem os russos. Carlos Caetano Verry, o ex-volante, fornece o motivo para minha última frase, não inédita no blog: espero, sinceramente, estar enganado.

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Gol de Letras by TNB